Home   Especiais   Opinião   Pistas  Agenda  Galeria  Wallpapers  Fale Conosco  
 Categorias
 
 
 
Henrique Lambert desponta como a nova estrela da categoria
 
Henrique Lambert comemora rápida adaptação à F3 (Foto: Flávio Quick)
Piloto carioca é o terceiro que mais pontuou desde sua tardia estréia na temporada

Após um breve período de adaptação à Fórmula 3 Sul-americana, o carioca Henrique Lambert (Titans Group/Oi FM) está mostrando muita consistência em sua temporada de estréia na categoria mais rápida do continente. Nas oito provas que disputou, o competidor é o terceiro que mais somou pontos, mesmo tendo menos experiência. “Acho que esses excelentes resultados são fruto do desenvolvimento do equipamento e de uma maior sintonia com a equipe. O carro está mais adaptado à minha tocada, eu ganhei bastante quilometragem na pista, uma série de fatores. E está dando muito certo”, conta o quinto colocado do campeonato.

Computando-se apenas a pontuação desde a estréia de Henrique Lambert, os três mais bem colocados do certame continental seriam Leonardo Cordeiro (Cesário Fórmula), em seu terceiro ano na categoria e que somaria 56 pontos, Cláudio Cantelli (Bassan Motorsport), que correu dois anos na Europa pela Fórmula Master 2000 e na World Series, com 47 e Lambert, que veio da Fórmula São Paulo, onde foi campeão no ano passado, com 43 pontos. “Isso comprova a boa fase que eu e minha equipe vivemos. O carro é confiável, tenho cometido poucos erros. As coisas estão funcionando na hora certa, do jeito certo”, diz.

Além do total de pontos, sua consistência no pódio tem chamado a atenção, principalmente por ser estreante, não ter disputado as quatro primeiras provas e tampouco fez a pré-temporada para se acostumar ao Dallara F309. O titular da Razia Sport conquistou cinco pódios nas últimas seis etapas, mais do que qualquer outro concorrente. “A ausência de treinos dificultou um pouco no início, pois o carro é muito rápido e com reações próprias. Até entender como funciona é preciso certa quilometragem, que consegui agora”, comenta o representante do Titans Group/Oi FM.

Nas duas últimas rodadas duplas, disputadas na Argentina e no Uruguai, o esportista carioca esteve sempre entre os três primeiros, com três segundos lugares e um terceiro, beneficiando-se da equalização pela condição de que nenhum piloto conhecia os circuitos internacionais. “Minha confiança aumentou muito. Consigo chegar próximo do limite do carro com mais facilidade, assimilar suas reações. Estou ‘vestindo’ o Dallara F309 bem melhor. Mas ainda tenho muito que evoluir, extrair tudo do carro, melhorar na classificação e ser mais rápido”, explica.

Os reflexos de seu bom desempenho aparecem também no campeonato de equipes. Após as duas corridas no Uruguai, a Razia Sports passou a ocupar a vice-liderança entre as escuderias, com 93 pontos. Antes de Lambert estrear, o time era apenas o quinto mais bem colocado. “Estou surpreso pela rapidez como os resultados apareceram. Sempre soube que tinha condições de conseguir bons resultados, mas que dependiam da continuidade do trabalho, o que foi viabilizado pelo apoio do Titans Group e Oi FM. Este início promissor me dá confiança para continuar assim até o final da temporada e buscar minha primeira vitória na Fórmula 3”, completa. A equipe líder é a Cesário Fórmula, com 135 pontos.

Seu objetivo é continuar sua escalada na tabela de pontuação. “Preciso sempre buscar o pódio nas corridas para me estabelecer entre os três primeiros do campeonato. Vai ser importante para a minha carreira”, fala. E Lambert já pensa no ano que vem. “Os resultados mostram que com uma pré-temporada completa, poderemos brigar pelo título em 2010”, encerra o esportista do Rio de Janeiro.

A próxima rodada dupla da competição acontece entre os dias 16 e 18 de outubro, em Interlagos, como preliminar do GP Brasil de Fórmula 1.

Esta é a pontuação dos pilotos da F-3 Sul-americana após doze etapas disputadas:

1) Leonardo Cordeiro (Cesário Fórmula), 87 pontos;
2) Cláudio Cantelli (Bassan Motorsport), 68;
3) Yann Cunha (Razia Sports), 50;
4) Lucas Foresti (Cesário Fórmula), 48;
5) Henrique Lambert (Razia Sports), 43;
6) Nilton Molina (PropCar Racing), 40;
7) Lu Boesel (Dragão Motorsport), 40;
8) Leonardo de Souza (Kemba Racing), 30;
9) Igor Veras (PropCar Racing), 26;
10) Fernando Galera (Bassan Motorsport), 23;
11) Henrique Martins (Cesário Junior), 6;
12) Lucílio Baumer (Baumer Racing), 2;
12) Bruno Andrade (MX Racing), 2;
12) Raphael Abbate (Cesário Junior), 2 pontos.

O campeonato de equipes está assim:

1) Cesario Fórmula, 135 pontos;
2) Razia Sport, 93;
3) Bassan Motorsport, 91;
4) Prop Car Racing, 66;
5) Dragao Motorsport, 40;
6) Kemba Racing, 30;
7) Cesario Fórmula Junior, 9;
8) MX Racing, 2;
9) Baumer Racing, 2 pontos.
João Alberto Otazu

anterior Índice de notícias próxima
Enviar Imprimir  




Fórmula 1
Fórmula 3
Fórmula Truck
GP2 Series
Outras Fórmulas
Stock Car
GT3 Brasil
Rally
Kart
Endurance
Esporte Turísmo
Esporte Protótipo
Brasil
Europa
Estados Unidos
Mercado
Esporte Amador
Outros


© Copyright 2001/2019 KARTING. Todos os direitos reservados